Projeto do vereador Justino do RX busca aumentar o número de doadores em Petrópolis

Gratuidade na inscrição em corridas particulares para os doadores de sangue em Petrópolis. Isto é que o propõe o Projeto de Lei apresentado pelo vereador Justino do RX (MDB), aprovado nesta quarta-feira (12.02) em primeira e segunda discussão com 11 votos dos parlamentares. O não pagamento da taxa busca aumentar o número de doadores de sangue na cidade ao mesmo tempo em que estimula a prática da atividade física aos já doadores.

Pelo projeto, o doador terá direito a isenção de até quatro corridas anuais que ocorrerem no município – desde que comprove ter doado nos últimos seis meses. O documento aponta um limite de 5% do total de inscritos e, caso ultrapasse o total de vagas existentes, o critério de desempate será a data da inscrição.

“Os hemocentros têm déficit de doadores, pois a população não tem a cultura de doar sangue regularmente, vindo a ocasionar uma perda de vidas que poderia ser evitada”, aponta o vereador. E completa: “O objetivo é criar um incentivo para que a população em geral possa, não só participar da corrida, mas também salvar vidas”.

O projeto, que já havia sido apresentado na casa na quarta-feira anterior, voltou à plenária ontem para redação final, após receber emenda do presidente da Câmara, vereador Hingo Hammes (PTB). O objetivo da mudança foi o de minimizar os prejuízos financeiros das empresas que realizam as corridas, garantindo a manutenção das mesmas no cronograma de Petrópolis, mas limitando a inscrição dos doadores ao chip e numeração de peito, ou seja, ele compete em pé de igualdade com qualquer outro atleta, mas não é contemplado com os demais brindes que a organização possa vir a oferecer.

O projeto, agora, será enviado à Prefeitura, a quem cabe sancionar ou vetar a proposta.

banner principal